Aquariofilia --- Mundo dos Aquários
Seja Bem Vindo
Ao fórum Mundo dos Aquários

Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.


Se ainda não é membro registe-se agora.

Últimos assuntos
» Lago Plantado do Daniel Ribeiro (fotos e vídeos)
por Daniel Ribeiro Seg Dez 28, 2015 10:12 am

» (ATENÇÃO)Recrutamento de Admin e Mod.
por LuisBarroso Sab Dez 19, 2015 3:23 am

» Minha Apresentação
por Maria Fernanda Qui Dez 17, 2015 8:06 pm

» SÁBADO DIA 19 PORTAS ABERTAS EHEIM COM DESCONTOS ATÉ 50%
por paulo vieira Ter Dez 15, 2015 11:15 pm

» Aquário de Polypterus
por MarcosRafael Seg Dez 07, 2015 8:56 pm

» LINHA DE AQUÁRIOS COM MÓVEL PAULO VIEIRA AQUARIOS
por paulo vieira Qua Out 21, 2015 9:32 pm

» Aquário novo - AJUDA - Pontos brancos no vidro e larvas
por Manuel Rodrigues Seg Out 05, 2015 11:23 pm

» Mudar Layout
por Manuel Rodrigues Qua Set 23, 2015 1:21 pm

» CO2 Líguido, alguem ja usou?
por Bruno Gomes Qua Set 02, 2015 4:41 pm

» Sanguessugas
por Bruno Gomes Seg Ago 31, 2015 4:42 pm

Contribuição

Parecerias







Vida de Aquarista
Procurar

    Mundo dos Aquarios

    Pesquisa questões já colocadas por outros membros, poderás obter respostas mais rapidamente

    Resultados por:


Votação

Como tiveram conhecimento deste fórum?

33% 33% [ 17 ]
8% 8% [ 4 ]
22% 22% [ 11 ]
8% 8% [ 4 ]
14% 14% [ 7 ]
8% 8% [ 4 ]
8% 8% [ 4 ]

Total dos votos : 51


##Lista de Doenças##

Ir em baixo

##Lista de Doenças##

Mensagem por Manuel Rodrigues em Dom Dez 11, 2011 12:19 pm

Doença Leite (Myxosporidien)


Ao contrário da doença de porcelana em que a coloração branca começa na cabeça e espalha-se por todo o corpo, os animais que estão infectados com Myxosporidien, mostram desde o início, uma cor leitosa por todo o corpo

Este sintoma ocorre predominantemente em diferentes espécies de camarões vidro.
Animais com este sintoma usualmente morrem num curto espaço de tempo. Os animais morrem de noite e são considerados por animais saudáveis como comida, rapidamente ganham o mesmo sintoma.

Esta doença é causada por Myxosporidien que são parasitas unicelulares, que literalmente comem o camarão, do interior. Myxosporidien é muito resistente e ainda não é conhecido nenhum tratamento, foram realizados diversos ensaios com penicilina mas não houve diminuição da doença.

A transmissão desta doença é feita através do canibalismo, por esta razão todos os animais mortos ou logo que mostrem sinais deste sintoma devem ser separados para outro aquário para controlar e evitar a expansão da doença.

Fotografia de um animal saudável:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

Fotografia de um animal doente:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

#---------------------------------------------------------------------------------------------------------------#

Doença de Porcelana.


Esta doença ocorre por norma em camarões recentemente importados.

Ainda não foi provado que esta doença ocorra em aquários já estabelecidos e/ou em stock de camarões em reprodução.

A doença é introduzida através de camarões importados e manifesta-se devido ao stress do transporte e associado à fraqueza do seu sistema imunológico.

Quanto ao agente causador da doença de porcelana é um parasita unicelular chamado Microsporid Tehlohania contejani que vive na musculatura do camarão.

Este parasita unicelular ataca os músculos do hospedeiro, tornando os seus movimentos mais restritos. O camarão vai sendo lentamente reestruturado até ficar completamente solidificado o que o leva à morte.

O primeiro sintoma verificado nos animais afectados é a perca de cor seguido de um aspecto branco leitoso que se inicia na cabeça que em pouco tempo se espalha pelo corpo todo.

Os membros tornam-se rígidos e inflexíveis. Mais tarde, apenas movem os seus pares de pernas de natação. Passadas poucas horas, o máximo um dia, apenas se conseguem manter de lado. Os animais tentam ainda nadar, mas encontram-se desorientados e não fazem mais do que movimentos circulares. Nesta altura apenas conseguem mover as suas patas maxilas e morrem.

Animais com estes sintomas devem ser imediatamente removidos do local, devido ao canibalismo, ou seja, por comerem os mortos o elemento patogénico pode ser transmitido.

Algum tempo atrás foram realizadas experiências utilizando flocos da Tetra, como tratamento medicinal da doença, flocos esses que eram utilizados no tratamento de peixes ornamentais que continham verde malaquite.

Em grande medida ainda seria o método mais eficaz para tratar esta doença. Infelizmente esses flocos não se fabricam mais, o que complicou o tratamento da doença.

Pode-se utilizar verde malaquite na sua forma líquida, que é comercializado em diversas lojas, ensopa-se os flocos nele e dá-se aos camarões.

Fotos:

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
avatar
Manuel Rodrigues
Administrador Fundador

Mensagens : 924
Data de inscrição : 05/12/2011
Idade : 28
Localização : Viana do Castelo

http://mundodosaquarios.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum